YOUTUBE | Por que crianças matam: A história de Mary Bell

 

Por Ana Paula Laux – Já está no ar o vídeo sobre “Por que crianças matam – A história real de Mary Bell”, livro de Gitta Sereny (tradução por Erick Ramalho) publicado pela Editora Vestígio.

Inscreva-se no canal

 

Veja o vídeo

 

SOBRE O LIVRO

Título: Por que crianças matam – A história real de Mary Bell
Autora: Gitta Sereny
Tradução: Erick Ramalho
Páginas: 376
Editora: Vestígio
Compre o livro
Compre o e-book

SINOPSE – Em 1968, Mary Bell, de 11 anos, foi julgada e condenada pelo assassinato de dois garotinhos em Newcastle upon Tyne, Inglaterra. Antes mesmo de ir ao tribunal, Mary Bell foi apresentada como a encarnação do mal, a “semente ruim”. Mas a jornalista Gitta Sereny, que cobriu o julgamento sensacionalista, nunca aceitou essa explicação. Ao longo dos anos, Sereny se deu conta de que, se quisermos entender as pressões que levam crianças a cometer crimes hediondos, precisamos voltar nosso olhar para os adultos que elas se tornaram. Passados 27 anos de sua condenação, Mary Bell concordou em falar com Sereny sobre a sua infância angustiante, os dois terríveis atos cometidos no intervalo de nove semanas, o seu julgamento público e os doze anos de detenção. Em Por que crianças matam, Bell e Sereny discutem o que ela fez e o que foi feito a ela, bem como a criança que era e a pessoa que se tornou. Nada do que Mary Bell disse nos cinco meses de conversas intensas serve como desculpa para seus crimes: ela mesma rejeita qualquer atenuação nesse sentido. Mas sua história devastadora nos força a pensar na responsabilidade da sociedade sobre crianças que são levadas ao limite.

 

Compartilhe aqui!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!